O que esperar dos Jogos Olímpicos da Juventude de Inverno de Lausanne 2020

Novos esportes e muita inovação: aqui está uma pequena amostra da terceira edição do YOG de Inverno, com o Olympic Channel apresentando 300 horas de cobertura

Após o sucesso de Buenos Aires 2018, a contagem regressiva segue para o terceiro Jogos Olímpicos da Juventude de Inverno em Lausanne 2020.

A sede do Comitê Olímpico Internacional vai sediar os Jogos de 9 a 22 de janeiro de 2020, com a participação de 1.880 jovens atletas de elite de todo o mundo.

Os Jogos contam com novos esportes e um novo programa com um número igual de atletas do sexo masculino e feminino, como foi o caso em Buenos Aires.

Aqui vamos dar uma olhada no que está reservado para Lausanne 2020.

Cobertura do Olympic Channel

O Olympic Channel vai transmitir 300 horas de ação a partir dos 13 dias de competição em Lausanne, com um canal dedicado ao YOG de Inverno disponível na página do olympicchannel.com, YouTube e dispositivos conectados, como Amazon Fire, Apple TV, Android TV e Roku.

Também vai ter um show ao vivo, diário, repleto de ação com notícias, destaques, histórias de tendências e entrevistas em um formato divertido e interativo transmitido no Facebook, Twitter e olympicchannel.com, além de um Podcast diário no Olympic Channel Podcast com grandes entrevistas de personalidades de todo o mundo Olímpico.

Os fãs também podem acompanhar a cobertura do Olympic Channel no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube  para aprender mais sobre o evento e interagir com alguns dos atletas envolvidos, além de ficarem atualizados com as tabelas de horários, resultados e medalhas no olympicchannel.com

A editora-chefe Mary Byrne falou: "Os Jogos Olímpicos da Juventude de Inverno tem um formato divertido para os jovens atletas experimentarem o espírito Olímpico ao treinarem para alcançar seus objetivos e sonhos.

"A cobertura do Lausanne 2020 do Olympic Channel garante uma audiência mundial para o YOG e será um ano importante para a nossa equipe, já que nossa cobertura diária de esportes e atletas Olímpicos continua aumentando com os Jogos Olímpicos da Tóquio 2020 no próximo verão".

Vem aí: Jogos Olímpicos de Inverno de 2020 em Lausanne

Vem aí: Jogos Olímpicos de Inverno de 2020 em Lausanne

Principais números

  • evento será realizado de 9 a 22 de janeiro de 2020.
  • 1.880 atletas com idades entre 15 e 18 anos vão participar.
  • Mais de 3.000 voluntários vão ajudar nos Jogos

Três regiões, dois países

Ao contrário de Buenos Aires 2018, as sedes de Lausanne 2020 vão estar espalhados por muito mais do que apenas uma cidade.

Lausanne vai sediar a Vila Olímpica da Juventude, as cerimônias de medalhas e os esportes no gelo como Hóquei no Gelo, Patinação de Velocidade Pista Curta and Patinação Artística.

Esqui Alpino, Alpinismo, Esqui Estilo Livre e Snowboard acontecem nos Alpes Vaud, enquanto o curling vai acontecer em Champery.

Os eventos de Esqui Nórdico irão acontecer no Vallee de Joux e Salto de EsquiBiatlo e Combinado Nórdico serão realizados em Tuffes, na vizinha França.

Bobsleigh, skeleton, luge e patinação de velocidade serão realizados em St. Moritz.

Igualdade de gênero

Lausanne 2020 continuará do mesmo ponto em que Buenos Aires 2018 parou: com igualdade de gênero.

Isso significa que um número de homens e mulheres competindo pelas medalhas será igual... e também vai ter novas e emocionantes disciplinas para refletir o aumento da participação feminina (veja abaixo!).

Novos esportes e inovação

O Esqui Alpinismo é o novo esporte mais radical a ser aprovado para o Programa de Lausanne 2020.

A nova adição precisa de pulmões fortes para escalar as montanhas em esquis (ou carregá-las dependendo da gravidade da subida), antes de esquiar de volta.

Algumas novas disciplinas também foram introduzidas para refletir inovação e igualdade de gênero.

IsHo inclui hóquei no Gelo 3x3 de nacionalidade mista, uma competição de duplas feminina em Luge e um evento de Combinado Nórdico de esqui para mulheres.

"O programa dos eventos que foram confirmados traz um equilíbrio total de gênero pela primeira vez em um evento Olímpico de inverno, com o maior número de eventos femininos, e mulheres, já competindo no YOG de inverno", afirmou um comunicado do COI.

Legado duradouro de Lausanne

Uma parte essencial do plano de Lausanne é garantir que a Suíça se beneficie de sediar o evento depois que ele terminar.

O VORTEX, que foi construído para acomodar a Vila Olímpica, será transformado em acomodação para estudantes depois da conclusão dos Jogos.

Aproximadamente 1.200 estudantes universitários e convidados acadêmicos vão se beneficiar dessa acomodação extra.

O legado também proporcionará um impulso necessário à infraestrutura esportiva na Suíça francófona.

O local do Espace Malley está sendo reformado com uma nova piscina Olímpica, pista de gelo com capacidade para 9.700 pessoas, tênis de mesa e instalações para esgrima - todas acessíveis aos atletas locais gratuitamente por 20 anos.

Além de novas instalações, também serão oferecidos treinamento em gestão esportiva e um novo programa regional de patinação de velocidade em pista curta.

Gostou dessa história? Compartilhe com seus amigos!